Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

McLaren fecha parceria e terá robôs com inteligência artificial

Escuderia assinou com Automation Anywhere para temporada 2020 da F1

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 04/12/2019, às 15h09

Imagem McLaren fecha parceria e terá robôs com inteligência artificial

A McLaren anunciou, nesta quarta-feira (4), um acordo com a Automation Anywhere, líder global em Automação Robótica de Processos (RPA, na sigla em inglês). Pelo contrato, o logotipo da empresa estará visível nos carros, nos macacões dos pilotos da escuderia, Carlos Sainz e Lando Norris, e nos equipamentos usados nos finais de semana de corrida.

Apesar da parceria tecnológica entrar em vigor apenas em 2020, a marca já apareceu nos carros da equipe britânica no último final de semana, no GP dos Emirados Árabes Unidos, que encerrou a temporada 2019. A partir do ano que vem, a parceria, que não teve duração nem valores revelados, integrará robôs de software artificialmente inteligentes às operações de corrida da equipe.

De acordo com um comunicado oficial da escuderia, "a tecnologia - trabalhadores digitais que trabalham lado a lado com pessoas para executar tarefas repetitivas - ajudará a simplificar os processos da McLaren e a habilitar a equipe operacional de corrida a ser mais eficiente, reduzir erros e acelerar as tomadas de decisão".

Foto: Reprodução / Twitter (@McLarenF1)

"Temos o prazer de receber a Automation Anywhere na família McLaren Racing e no mundo da Fórmula 1 pela primeira vez. Para termos desempenho neste esporte, precisamos estar na vanguarda dos avanços tecnológicos e permitir que nosso pessoal implemente suas ideias e foque em buscar ganhos extras na pista. A tecnologia sofisticada da Automation Anywhere nos ajudará a fazer isso, e estamos ansiosos para trabalhar juntos nas próximas temporadas", destacou Zak Brown, CEO da McLaren Racing.

"A McLaren Racing atua em um ambiente competitivo, dominado por detalhes, em que segundos podem ter um grande impacto. Estamos felizes de ajudar a McLaren a tomar decisões mais rápidas com a automação de processos nas operações de corrida da equipe", disse Riadh Dridi, diretor executivo de marketing da Automation Anywhere.

Após alguns anos tendo que lidar com resultados pífios, a equipe britânica se recuperou nas duas últimas temporadas. Em 2018, fechou o campeonato na sexta posição entre os construtores com 62 pontos. Já este ano, fez 145 pontos, terminou na quarta colocação, atrás apenas de Mercedes, Ferrari e Red Bull, e ainda teve Carlos Sainz encerrando o campeonato na sexta colocação, com direito a pódio na penúltima etapa, quando chegou em terceiro lugar no GP do Brasil.