Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

NBA inicia playoff após sucesso de estratégia

Liga não teve nenhum jogador com Covid-19 dentro de complexo

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 17/08/2020, às 07h00 - Atualizado às 10h00

Imagem NBA inicia playoff após sucesso de estratégia

Celtics será uma das equipes em quadra no playoff da NBA (Foto: nba.com/celtics)

A primeira rodada da fase eliminatória da NBA começará nesta segunda-feira (17), com quatro jogos no ESPN Wide World of Sports. O início dos jogos mais importantes da temporada será uma mostra do sucesso da estratégia criado pela liga de basquete para os jogos em meio ao Covid-19.

Desde que os times foram reunidos no complexo da Disney, não houve nenhum resultado positivo para a doença entre os jogadores da NBA. Dessa maneira, os jogos podem ocorrer sem surpresas na tabela e em segurança.

Para manter o controle da doença, a NBA tem apostado em testagem sistemáticas entre os jogadores. Os 342 jogadores passam pelo procedimento ao menos uma vez por semana. Caso alguém estivesse com a doença, ficaria em quarentena.

O mesmo não havia acontecido com a MLS, a liga de futebol do país, que adotou estratégia semelhante ao da NBA, também no complexo da Disney. A disputa chegou a ter um time vetado por conta do número alto de jogadores contaminados, algo que tem sido comum em outros torneios pelo mundo, em especial no Campeonato Brasileiro de futebol.

A medida da NBA, por outro lado, teve custo alto para a liga. A criação da "bolha" na Disney, em que os jogadores permaneceram no complexo todo o tempo, com restaurantes, centros de treinamento e hotel, custou aproximadamente US$ 150 milhões, mais de R$ 800 milhões na atual contação do dólar. Isso em um período sem uma das principais fontes de renda da competição, os ingressos e o matchday.

Para a televisão, por outro lado, os jogos têm rendido audiência alta, pelo menos nas primeiras partidas após a pausa. Com o retorno da fase eliminatória, a tendência é que os índices voltem a crescer até o fim do torneio.