Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

New Balance muda estratégia e decide entrar no mercado do futebol

Empresa irá vestir Liverpool e Porto, entre outros, na próxima temporada no lugar de subsidiária Warrior

Adalberto Leister Filho - São Paulo (SP) Publicado em 06/02/2015, às 08h15 - Atualizado às 10h15

Imagem New Balance muda estratégia e decide entrar no mercado do futebol

Desenho que seria o da nova camisa do Liverpool

A New Balance decidiu tomar as camisas hoje em poder da Warrior, marca da companhia, e entrar no mundo do futebol na próxima temporada. Com isso, a companhia norte-americana já entrará no mercado com importantes uniformes europeus, como os de Liverpool, Porto, Sevilla e Stoke City.

É o primeiro passo da empresa para tentar tomar algumas camisas das gigantes Nike e Adidas. Por trás da decisão da empresa também está o recente crescimento de concorrentes como Puma e Under Armour no futebol Europeu.

A Warrior, por sua vez, voltará a se focar nos esportes que consagraram a marca: hóquei no gelo e lacrosse. No futebol, a marca ganhou as manchetes ao conseguir a camisa do Liverpool em 2011, encerrando parceria da Adidas com o clube inglês. No ano passado foi a vez de o Porto trocar a Nike pela Warrior. A empresa faz parte do portfólio da New Balance desde 2004, quando foi comprada.

Apesar de entrar na competição pelas vestimentas mais desejadas do futebol europeu, a New Balance ainda é uma marca pequena se comparada às duas gigantes do setor. A empresa de Boston tem faturamento de cerca de US$ 3 bilhões, verba que Nike e Adidas costumam destinar só para a publicidade.