Palmeiras espera lançar loja em uma semana

Palmeiras quer melhorar distribuição de seus licenciados

Palmeiras quer melhorar distribuição de seus licenciados

O Palmeiras está próximo de fechar acordo para ter a sua própria rede de lojas. A franquia palmeirense depende de ajustes finais entre o clube e o parceiro interessado em desenvolver o projeto. Mesmo com o apoio da Adidas, a diretoria do time optou por terceirizar a gestão do projeto, mas a questão financeira ainda emperra.

Apesar de alguns impasses, o diretor de marketing do Palmeiras, Rubens Reis, acredita que o problema será logo resolvido. “A questão ainda é dinheiro. Nós estamos tentando fazer com que a franquia de loja seja no melhor contrato possível para o clube. Mas entre uma semana e dez dias devemos anunciar o acordo”, afirmou.

O Palmeiras mira modelos adotados por times rivais, caso da SAO, do São Paulo, e da Poderoso Timão, do Corinthians. O plano, no entanto, passa por três partes, o que retarda o processo de fechamento de contrato. Além de o clube querer a melhor possibilidade, o negócio precisa ser aprovado pela empresa que irá gerir o projeto e a Adidas, que tem que dar o aval para as lojas.

Com as lojas, a ideia do Palmeiras é conseguir espalhar a venda de seus produtos oficiais para fora de São Paulo, além de espalhar a sua imagem pelo Brasil. Considerando o ganho de imagem e de venda e produção de licenciados, a rede de franquia do Palmeiras compõe uma das partes mais importantes do marketing da atual diretoria.