Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Petrobras ?desdenha? de apoio ao Man Utd

Petrobras ?desdenha? de apoio ao Man Utd

Gustavo Franceschini em São Paulo - SP Publicado em 12/03/2009, às 08h00 - Atualizado às 11h00

A Petrobras está aguardando uma reunião com representantes do Manchester United, que deve acontecer ainda em março, para se posicionais oficialmente sobre o assunto. Antes do encontro, porém, a estatal prefere não supervalorizar a possibilidade, e trata a negociação como mais uma que lhe é apresentada normalmente. ?Nós recebemos muitas propostas, que são sempre muito abrangentes. A gente realmente recebeu um contato deles, mas estamos em um processo de avaliação de nossas diretrizes e por isso estamos esperando um avanço maior para podermos nos posicionar?, disse José Barbosa, gerente de comunicação da empresa para São Paulo, durante a apresentação dos novos técnicos das seleções de handebol. Atualmente, entre outros acordos, a Petrobras aguarda uma definição do Flamengo sobre as certidões negativas de débito que ainda impedem a assinatura do contrato de R$ 14 milhões. Por outro lado, lamenta a sua saída da Fórmula 1, depois de dez anos, devido à desistência da Honda, que abandonou a categoria por conta da crise. Nesse panorama, o orçamento da estatal estaria, em tese, livre para ser empregado em um dos maiores clubes do mundo, que recebe 27 milhões de euros (R$ 81 mi) da AIG. A seguradora norte-americana, porém, já anunciou que não renovará o seu compromisso por causa da crise financeira mundial. Só que um possível empecilho para o remanejamento da verba é a inexistência de uma contrapartida tecnológica e de desenvolvimento de produtos, como havia na Fórmula 1. Historicamente alardeado como o grande motivo da presença da Petrobras na Williams, o lado técnico pode ser esquecido desta vez. ?Esse sempre foi o nosso grande objetivo no automobilismo. Mas hoje eu nem sei te dizer em que bases financeiras está o contato com o Manchester, mas posso dizer que uma parceria com um clube desse porte é sempre bem vinda?, disse Barbosa.