Por associados, Náutico planeja despedida de Kuki

Com Kuki, time pernambucano quer sócios em partida comemorativa

Com Kuki, time pernambucano quer sócios em partida comemorativa

Em nove anos, 389 jogos, 179 gols marcados e três títulos estaduais. Terceiro maior artilheiro e atleta que mais vestiu a camisa do Náutico, o ex-atacante Kuki deixou o ataque do time pernambucano para assumir a coordenação das categorias de base, mas não teve despedida à altura. Até o fim do ano, porém, o marketing do clube pretende organizá-la, em busca de novos sócios.

"Ele é uma pessoa muito bem relacionada, a torcida gosta muito dele e precisamos coroar o último dia alvirrubro da história de Kuki", explica o vice-presidente de comunicação e marketing do Náutico, Roberto Varela, à Máquina do Esporte.

A partida comemorativa deverá ser organizada no fim do ano, em dezembro, e será usada como chamariz para que sócios e torcedores participem de evento. Estão programados para a ocasião show, campeonatos de vôlei e basquete, disputas de cestas e pênaltis, entre outros.

O intuito é realizar eventos similares mensalmente, aos domingos, como maneira de aumentar o número de benefícios concedidos a associados do Náutico. Recentemente, o time pernambucano reformulou o projeto de sócios, ampliou o número de modalidades disponíveis e, hoje, oferece até desconto em universidade.

O clube também almeja ascender à Série A do Campeonato Brasileiro para impulsionar futuras ações ligadas a filiados. Atualmente, porém, ocupa o meio da tabela da segunda divisão nacional e está a oito pontos de dist"ncia do líder, Figueirense.