Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Por R$ 80, Palmeiras abre estádio para ‘fan fest’ no domingo

Mesmo com ingresso salgado, clube espera receber 10 mil torcedores no Allianz Parque

Duda Lopes e Erich Beting - São Paulo (SP) Publicado em 30/04/2015, às 08h30 - Atualizado às 11h30

Imagem Por R$ 80, Palmeiras abre estádio para ‘fan fest’ no domingo

Allianz Parque em evento teste para 3 mil pessoas, em 2014.

Após um público e uma receita recorde no último domingo, o Palmeiras resolveu arrecadar mais uma vez com a final do Paulistão Itaipava 2015, mesmo com o time fazendo a partida em Santos.

O clube montará um evento no Allianz Parque para receber torcedores durante a partida, que será exibida num telão no campo.

O evento será no estilo das ‘fan fests’, as festas promovidas pela Fifa para transmitir a Copa do Mundo. Mas, diferentemente do que aconteceu no Mundial, a entrada estará longe de ser gratuita. O Palmeiras cobrará ingressos de R$ 80, com meia a R$ 40.

O objetivo é arrecadar cerca de R$ 500 mil no evento, sem contar a arrecadação dentro do estádio.

Segundo apurou a Máquina do Esporte, a quantia se deve ao que será realizado durante o domingo. E, somente com esse preço, a conta fecharia. Além da exibição do jogo, o clube negocia com ex-jogadores e com bandas para se apresentarem ao público. A expectativa é que o Allianz Parque receba cerca de 10 mil torcedores para o evento.

O público, claro, ficará longe das 40 mil pessoas que acompanharam a partida no local no último domingo. Na ocasião, o Palmeiras faturou R$ 4,1 milhões em bilheteria, com um lucro de R$ 3 milhões, recorde no ano.

Essa é a primeira vez que o estádio será usado parcialmente para exibir uma partida do clube. No fim de 2014, pouco antes da inauguração oficial, o Allianz Parque recebeu como evento-teste a exibição do filme “12 de junho de 1993 - o dia da paixão palmeirense”, que contava sobre a conquista do Paulistão de 1993. O evento foi para 3 mil convidados.

A prática, porém, não é uma novidade no futebol brasileiro. O próprio adversário do Palmeiras na final, o Santos, já abriu a Vila Belmiro em finais de campeonato para uma exibição da partida em telão. Recentemente, o Atlético-MG abriu o Independência para os torcedores que não conseguiram ingressos para assistir à decisão da Copa do Brasil contra o Cruzeiro, no Mineirão.