Porto Alegre faz reunião para tentar receber Indy

Após São Paulo entrar no calendário da Fórmula Indy como a etapa brasileira do circuito, Porto Alegre quer ser mais uma cidade no país a receber uma corrida. A capital gaúcha almeja ser o representante do Mercosul durante o Mundial da categoria.

Nesta quinta-feira, o prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, e o governador eleito do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, se reuniram com o presidente da divisão comercial da Fórmula Indy, Terry Angstadt. A pauta era a viabilidade do circuito da Indy em Porto Alegre.

O dirigente da competição celebra o interesse gaúcho por entender que a capital do Estado está em uma localização geográfica privilegiada. “Porto Alegre é um local chave para a realização de uma prova por ser o Mercosul estratégico para a expansão dos negócios promovidos pela APEX (Agência Brasileira de Promoção de Exportação e Investimentos), tradicional parceira da Fórmula Indy”, afirmou Angstadt.

Segundo o presidente, a capital gaúcha une uma base de fã aos negócios dos parceiros envolvidos na competição: “Este pode vir a ser o próximo passo a ser desenvolvido pela categoria para expandir as suas corridas fora dos EUA”.