Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Rodada de abertura da NFL arrecada US$ 280 milhões com publicidade

Principais empresas envolvidas foram Toyota, GM e Verizon Wireless

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 15/10/2018, às 08h24 - Atualizado às 11h24

Imagem Rodada de abertura da NFL arrecada US$ 280 milhões com publicidade

A NFL já vive a sexta semana da temporada 2018/2019, mas um número divulgado apenas nos últimos dias sobre a rodada de abertura da competição foi notícia na imprensa mundial. De acordo com um relatório da plataforma de capacitação de vendas MediaRadar, o primeiro fim de semana da temporada arrecadou US$ 280 milhões com publicidade.

Foto: Reprodução / Twitter (@NFL)

O grande “culpado” pela boa notícia para a NFL foi o crescimento do número de empresas engajadas ativamente na liga. Houve um aumento de 22% em relação ao ano anterior. Os principais destaques ficaram por conta da montadora japonesa Toyota, da americana General Motors (GM) e da operadora de celulares americana Verizon Wireless.

Segundo a imprensa americana, os bons números com publicidade comprovam a temporada de sucesso que a NFL vem tendo. Há duas semanas, a liga já havia divulgado que o consumo dos jogos em plataformas digitais aumentou 65% em relação ao último ano, com uma audiência média de 326 mil espectadores por jogo.

O principal motivo para isso é que os organizadores decidiram deixar todos os jogos em horário nobre, assim como os realizados nas tardes de domingo, acessíveis por meio do aplicativo oficial da NFL em dispositivos móveis.

Além disso, os jogos também estão disponíveis nas propriedades de mídia da Verizon, como o Yahoo Sports. A oferta é gratuita e não requer login. Isso marca uma mudança significativa em relação à temporada anterior, em que o acesso móvel era limitado aos clientes da Verizon Wireless.

Os veículos especializados ainda acreditam que a situação comercial vai melhorar até o final da temporada, já que a liga se aproveitou de uma decisão da Suprema Corte dos Estados Unidos e passou a permitir que as franquias vendam ofertas de patrocínio a casas de apostas. Isso deverá, também, como consequência direta, aumentar ainda mais os índices de audiência da temporada.