Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

São Paulo limpa camisa e antecipa vendas

São Paulo limpa camisa e antecipa vendas

Guilherme Costa em São Paulo - SP Publicado em 20/01/2009, às 09h00 - Atualizado às 11h00

Para quem chegou a confirmar que jogaria o Campeonato Paulista sem um patrocinador em suas camisas, o efeito pode não ter sido tão contundente. Contudo, a despeito de ter mantido a marca da LG em seu uniforme, o São Paulo apostou em um modelo esteticamente mais limpo para esta temporada. A coleção foi lançada na última segunda-feira, no Morumbi, e teve como atração a venda imediata. ?O Palmeiras só trocou o nome do patrocinador, mas não conseguiu fazer camisas para vender hoje [segunda-feira? e ?aproveitar esse clima de lançamento com camisas nas prateleiras é uma grande jogada? foram duas das linhas de pensamento mais alardeadas por diretores e conselheiros do clube tricolor no evento de segunda-feira. Ainda sem números oficiais, a venda da nova camisa no primeiro dia surpreendeu pela intensa procura por produtos ? o preço unitário é R$ 159,90. O lançamento foi realizado no Morumbi, na frente da loja oficial da Reebok. O grande diferencial do uniforme é um conceito mais limpo. Para isso, a Reebok tirou detalhes coloridos da parte traseira da camisa 1, aumentou o tamanho da fonte e ampliou o espaço entre as letras e números. Além disso, a marca da fornecedora de material esportivo mudou para a parte superior do peito, seguindo tendência internacional da marca, e a gola foi redesenhada. ?Nós apostamos muito no DNA da marca, que é uma confecção com linhas retas, que acompanham o desenho do corpo. Além disso, criamos uma camisa mais clássica, limpa, que certamente terá uma recepção positiva?, projetou Fernando Costa, supervisor de desenvolvimento de produto da Vulcabras, empresa responsável pela produção da Reebok no Brasil. Na camisa 2, a predomin"ncia do preto foi substituída por uma presença maior do vermelho nas mangas e na parte traseira. Com isso, as grandes inovações da coleção são o uniforme de treino (agora preto) e a coleção do torcedor. ?Tivemos um entendimento muito positivo dessa idéia no ano passado, e resolvemos mantê-la para 2009. Trata-se de uma camisa exclusiva da torcida do São Paulo, com design diferente dos uniformes de jogo?, relatou Tullio Formícola Filho, diretor de marketing da Vulcabras. A versão 2009 da camisa do torcedor é inspirada em um modelo utilizado pelo clube em 1966, criado pelo jornalista Paulo Planet. Trata-se de um uniforme predominantemente branco, com recorte preto na parte interna de um braço e vermelho no lado contrário. ?A idéia partiu da Reebok, que fez uma pesquisa e nos apontou esse modelo. Além de a camisa ter ficado muito bonita, trata-se de uma homenagem interessante ao Paulo Planet?, classificou Júlio Casares, vice-presidente de comunicação e marketing do clube tricolor.