Sem vencer no NBB, Assis muda marketing

Equipe perdeu as dez partidas disputadas e fará promoções com torcida - Crédito Ricardo Amaro

Equipe perdeu as dez partidas disputadas e fará promoções com torcida - Crédito Ricardo Amaro

A campanha do Assis Basket no Novo Basquete Brasil (NBB), principal torneio nacional da modalidade, representa a união entre surpresa e decepção. Com dez derrotas em dez partidas disputadas, a equipe do interior de São Paulo vive péssima fase dentro das quadras. Fora delas, as primeiras mudanças já acontecem, a começar pelo marketing.

Até o fim de 2010, a área era administrada pela Contato Visual. A agência de publicidade, entretanto, uniu-se à MCP Comunicação, liderada pelo empresário Emilson Cavalcanti. Com a mudança, Kaká Arantes, sócio da Contato Visual que administrava o marketing do Assis, cedeu a responsabilidade a Marcus Gil, outro sócio da agência.

"Nós continuamos com a proposta de resgatar o grande basquete que tínhamos no passado, mas estamos passando por um momento não muito interessante, estressante", lamenta Gil, que ocupa cargo similar ao de diretor de marketing no clube. "Nós estamos tentando levar a torcida para perto, porque temos de reverter essa situação".

Para tanto, o Assis preparou promoção para torcedores locais. Caso mais de seis mil pessoas forem ao ginásio assistir à partida contra o Vivo/Franca no próximo domingo (16), às 11h, com entradas gratuitas, o time sorteará produtos da equipe. Antes disso, ainda enfrenta o Araraquara fora de casa nesta sexta-feira (14).