Sport irá buscar sócios fora de Pernambuco

"Temos torcida muito grande em SP, RJ e Brasília", diz diretor

Com torcedores espalhados pelo Brasil, em especial nas regiões de Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro, o Sport planeja criar plano de adesão ao programa de sócios-torcedores, a ser lançado no fim de maio, voltado para essas pessoas, que não vivem em Pernambuco.

"Nós temos torcida muito grande nessas regiões, muita gente que gostaria de contribuir de alguma forma, mas que ainda não tem acesso ao clube", conta Sid Vasconcelos, diretor de marketing do Sport. "Vamos tentar abranger um número maior de torcedores".

Por enquanto, ainda não se sabe exatamente quais serão os benefícios oferecidos para atrair esses mercados, uma vez que essa modalidade de adesão dificilmente dará direito a desconto em ingressos para jogos no estádio da Ilha do Retiro.

A arena, inclusive, era encarada como um dos lugares que mais necessitava de investimentos para que o sócio-torcedor fosse lançado. "Tínhamos que melhorar a estrutura, oferecer mais comodidade, para conseguirmos atender a demanda", diz o diretor.

Essas deficiências no atendimento ao público de estádio, segundo o dirigente, estão sendo corrigidas com mais rapidez por causa da Outplan. A empresa, pertencente à Geo Eventos, é responsável por gerir as bilheterias e setores do estádio pernambucano.