Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Vulcabras vai operar marca Under Armour no Brasil

Marca americana apostará na dona da Olympikus para crescer no país

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 01/10/2018, às 11h15

Imagem Vulcabras vai operar marca Under Armour no Brasil

Como já havia sido antecipado pela Máquina do Esporte no início de julho, a Vulcabras Azaleia vai passar a operar a marca Under Armour no Brasil. O anúncio oficial foi feito nesta segunda-feira (1o), após a aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

Pelo acerto, ao longo dos próximos dez anos, a Vulcabras Azaleia terá exclusividade na distribuição e licenciamento da marca Under Armour no Brasil para calçados, vestuário e acessórios. A empresa, que é dona da Olympikus, ainda vai gerenciar a importação, desenvolvimento e fabricação de produtos locais, além de ser responsável pela gestão da marca e de seus canais de distribuição no país.

“Estamos extremamente satisfeitos em firmar parceria com a Under Armour e ampliar a distribuição no país de uma das maiores e mais inovadoras marcas de produtos para performance esportiva. Esse acordo demonstra nosso compromisso contínuo com a diversificação de portfólio e nossa estratégia de crescimento na América do Sul. Estamos prontos para colocar à disposição toda a nossa expertise e recursos para ajudar a Under Armour a alcançar todo o seu potencial de crescimento no Brasil”, declarou Pedro Bartelle, CEO da Vulcabras Azaleia.

Foto: Reprodução / Instagram (@underarmour)

“O Brasil é um dos países com as pessoas mais apaixonadas e envolvidas com o esporte no mundo todo, representando uma robusta oportunidade de longo prazo para a marca Under Armour. A expertise da Vulcabras Azaleia no mercado brasileiro, a capacidade de produção local e o consolidado modelo de distribuição irão fortalecer nossa capacidade de se conectar ainda mais com o consumidor brasileiro e ampliar significativamente o poder da nossa marca nesse mercado tão relevante”, disse Manuel Ovalle, diretor geral da Under Armour para a América Latina.

A transferência da gestão da Under Armour para a Vulcabras funciona, na prática, como uma mudança significativa do projeto de atuação da marca no Brasil desde que entrou no mercado, há cinco anos. Na ocasião, a intenção da marca americana era ter uma operação própria no país e investir pesado no segmento de patrocínio esportivo e produção de confecção e calçados.

Os planos, porém, mudaram sensivelmente com o agravamento da crise econômica no Brasil. Paralelamente, a Vulcabras, com a Olympikus, conseguiu retomar o crescimento de sua operação, tanto que, no ano passado, passou a ser a maior vendedora de calçados do país, superando a Nike.

Agora, a tendência é que a Under Armour ganhe fôlego para investir mais no país, passando a contar com a capacidade fabril da Vulcabras para isso. Neste ano, a marca deixou de patrocinar o São Paulo, mantendo acordos com Fluminense e Sport.

Vale lembrar que esta não é a primeira vez que a Vulcabras acerta um acordo desse tipo. No passado, a empresa já havia tido acordo semelhante com a Reebok, que durante mais de uma década foi controlada pela empresa, até 2012.