Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / 150 empregos gerados

Após três anos, Penalty anuncia retomada de produção na Argentina

Redação Publicado em 20/08/2021, às 11h57

Imagem Após três anos, Penalty anuncia retomada de produção na Argentina
Encontro entre Emerson Shiromaru, presidente da Penalty Argentina, com Daniel Scioli, embaixador da Argentina no Brasil, marcou a retomada da produção no país vizinho
Divulgação / Penalty

A Penalty anunciou, nesta quinta-feira (19), que retomará sua linha de produção na Argentina para a elaboração de calçados e itens de confecção. A companhia havia encerrado a produção no país vizinho em 2018, mas sem suspender os trabalhos na região, uma vez que contava com a comercialização de itens importados do Brasil.

No total, serão três plantas na Argentina, com cada uma ficando responsável por um segmento específico da empresa. A primeira delas estará localizada em Chivilcoy, na província de Buenos Aires, e as outras duas estarão em Agronomía e Olivos, bairros da capital argentina. Ao todo, serão geradas aproximadamente 150 vagas de trabalho, com perspectiva de expansão, o que deverá impactar de maneira bastante positiva a região.

“Estamos muito felizes em anunciar o retorno da produção no país. Essa conquista é resultado do nosso alinhamento com o governo argentino, representado por Daniel Scioli, embaixador da Argentina no Brasil, que foi muito receptivo e tem prestado grande suporte para a viabilização deste projeto e para o desenvolvimento e crescimento econômico entre os países”, revelou Emerson Shiromaru, presidente da Penalty Argentina.

Considerada a maior fabricante nacional de material esportivo e uma das precursoras do segmento no Brasil, a Penalty possui operações na Argentina e ainda presença mundial, com distribuição em países da África, América do Sul, América Central, Ásia e Europa. A marca faz parte do Grupo Cambuci, única multinacional de esportes em território brasileiro, onde conta com três fábricas.

“A cultura dos argentinos pelo esporte é muito similar à nossa, pois eles são tão apaixonados como nós pelo esporte coletivo, o que faz com que a Penalty tenha uma visão bastante positiva pelos trabalhos na região”, finalizou Shiromaru.