Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / Negócios

Arábia Saudita avança no esporte com agência de mídia

Redação Publicado em 10/11/2020, às 10h52

Imagem Arábia Saudita avança no esporte com agência de mídia

Após garantir a realização de uma etapa da Fórmula 1, o governo da Arábia Saudita dará mais um passo para consolidar os avanços do país no meio esportivo. Dessa vez, será lançada uma empresa especializada em direitos esportivos para, basicamente, fazer acordos de transmissão para a região.


Chamada de Saudi Sports Company, a companhia aparece como uma resposta global às acusações sofridas pela Arábia Saudita de ter facilitado transmissões piratas por meio da BeoutQ. No Oriente Médio, a emissora esportiva mais popular é a BeIN Sports, que fica no Qatar. O sinal da empresa, no entanto, é bloqueado para a população saudita graças a conflitos diplomáticos na região.

Em entrevista ao "Financial Times", o ministro do esporte da Arábia Saudita, o príncipe Abdulaziz bin Turki al-Faisal, afirmou que a Saudi Sports Company já recebeu propostas de diversas ligas, mas ainda não fechou nenhum acordo.
Antes da formação da nova agência, já havia rumores de que o governo saudita estaria negociando com algumas ligas para ter os direitos para o país, sem passar pela pirataria da BeoutQ. A Premier League teria tido uma negociação com o país e, mais recentemente, a Bundesliga também teria recebido sondagem.


O Governo da Arábia Saudita sempre negou envolvimento com a BeoutQ, mas a oficialização da Saudi Sports Company aparece como mais um caminho para que o país melhore a imagem frente à comunidade internacional. Nesse contexto, está a Fórmula 1, que terá uma corrida de rua noturna em Jidá, segundo cidade mais populosa do país, além de eventos do futebol espanhol e do futebol inglês. Nos dois últimos anos, o país também recebeu jogos da seleção brasileira.