Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / Negócios

AT&T e Discovery anunciam nova empresa de streaming de US$ 150 bilhões

Redação Publicado em 18/05/2021, às 12h26

Imagem AT&T e Discovery anunciam nova empresa de streaming de US$ 150 bilhões

A AT&T chegou a um acordo definitivo para vender seus negócios de mídia e combiná-los com a Discovery para criar uma nova empresa avaliada em 150 bilhões de dólares.

O acordo verá a WarnerMedia de propriedade da AT&T combinar seus ativos de entretenimento, esportes e notícias com os negócios de entretenimento e esportes internacionais da Discovery para formar a empresa autônoma.

O acordo é estruturado como uma transação de "Reverse Morris Trust", ou uma fusão com outra empresa que é estruturada para ser isenta de impostos. A AT&T receberá US$ 43 bilhões em uma combinação de dinheiro, títulos de dívida e a retenção de certas dívidas pela WarnerMedia. Os acionistas da AT&T receberão ações que representam 71% da nova empresa, enquanto os acionistas da Discovery serão donos dos 29% restantes do negócio.

Os conselhos de administração da AT&T e do Discovery aprovaram a transação, que deverá fechar em meados de 2022.

De acordo com o Financial Times, a nova empresa poderia ser avaliada em US$ 150 bilhões, incluindo a dívida. Ela também sinaliza a entrada potencial de outro gigante do streaming no mercado, ao mesmo tempo em que possivelmente criará um concorrente global para Netflix e a Disney.

O presidente e diretor executivo da Discovery, David Zaslav, liderará o novo negócio, com executivos de ambas as empresas em papéis-chave de liderança. A empresa está projetando para 2023 receitas de US$52 bilhões e lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) de US$14 bilhões. Ela terá quase 200.000 horas de programação, oferecendo conteúdo para assinantes em todo o portfólio da AT&T e Discovery, incluindo os serviços de streaming HBO Max e Discovery+.