Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / Saúde e bem-estar

Especialista em máscaras, Knit desenvolve primeiros adesivos vitamínicos do Brasil

Redação Publicado em 16/08/2021, às 13h10

Imagem Especialista em máscaras, Knit desenvolve primeiros adesivos vitamínicos do Brasil
Divulgação / Knit

Após se mostrar como uma das principais marcas especializadas em máscaras durante a pandemia do coronavírus, a Knit decidiu investir em novas maneiras de levar saúde e bem-estar à população, especialmente àqueles que praticam atividades físicas. Dessa forma, a empresa lançou os primeiros adesivos (stickers) vitamínicos do Brasil.

O produto é justamente um adesivo prático que colabora para o autocuidado, sendo utilizado também no lugar de comprimidos e/ou injeções. O formato permite que os ativos sejam absorvidos pela pele, diretamente para a corrente sanguínea ao longo do dia. Neste primeiro momento, a Knit disponibilizou quatro versões (immuno booster, red energy, beauty care e anti-aging), cada uma com seus próprios benefícios que são detalhados no site da empresa.

De acordo com a Knit, todos os adesivos possuem certificação de “Patch Composition”, e são parte do objetivo da companhia de ser uma solução para o bem-estar dos consumidores. Além disso, o produto ainda possui um conceito sustentável presente em sua composição e também na embalagem. A origem é americana, o que faz da Knit pioneira no mercado nacional.

“A rotina de cuidar da saúde ficou mais observada com a pandemia, mas essa questão também pode acontecer de forma funcional. Trazer os stickers vitamínicos para o Brasil é uma revolução neste cuidado”, afirmou Henrique Zorzi, cofundador da Knit.

“Eles podem ser utilizados diariamente, aplicados no pulso ou nos braços. Cada um tem duração de efeito de oito horas. Além disso, pode ser utilizado mais de um adesivo por vez, por exemplo um para energia e outro com foco nos cabelos e pele”, completou Pedro Zorzi, cofundador da marca.

“Sabemos que, com a correria da rotina, as pessoas têm apresentado dificuldades de estar em contato com o sol e acabam não atingindo excelentes níveis em vitamina D, assim como não apresentam uma alimentação rica em micronutrientes, como vitaminas do complexo B, C, E, D e K. Estas carências podem ser responsáveis pela minimização da nossa performance, tanto física como mental. Tendo em vista estas condições e entendendo a necessidade destas pessoas, vimos que poderíamos contribuir com os nossos stickers vitamínicos de forma prática, tecnológica e que as pessoas pudessem levar para qualquer lugar”, finalizou Juliano Marques, nutricionista da empresa.