Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / LoL: Wild Lift e Valorant

Itaú Unibanco cresce nos e-Sports com parceria inédita com Riot Games

Nos últimos meses, banco fechou patrocínio a torneios e também à equipe Mibr

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 07/10/2021, às 14h30 - Atualizado às 14h40

Estratégia do Itaú Unibanco é estar cada vez mais próximo do universo dos jogos eletrônicos - Divulgação / Riot Games
Estratégia do Itaú Unibanco é estar cada vez mais próximo do universo dos jogos eletrônicos - Divulgação / Riot Games

A Riot Games e o Itaú Unibanco fecharam, nesta quinta-feira (7), uma parceria inédita para a final brasileira do Wild Tour e o Last Chance Qualifier, torneios dos jogos League of Legends: Wild Rift e Valorant, respectivamente, desenvolvidos pela empresa de games. Com isso, o banco será a primeira marca a patrocinar o Wild Tour Finals (8 a 10 de outubro) e ainda estará presente no Last Chance Qualifier (11 a 17 de outubro).

Pelo acordo, o Itaú terá exposição de marca nas transmissões de ambas as competições e, para o Last Chance Qualifier, também promoverá conteúdos inéditos, dando dicas sobre educação financeira por meio do sistema de moedas do jogo Valorant, recurso essencial para obter vantagem contra o adversário no game.

Pelo lado da Riot Games, com o apoio do Itaú Unibanco, a empresa fará uma série de programas com a participação de casters e pro-players, explicando como funciona a economia de moedas e itens do jogo, para que a comunidade entenda como planejar seus rounds, reverter situações de perda financeira e investir corretamente no consumo para maximizar seus recursos.

"Estamos muito contentes em poder contar com o Itaú, uma marca tão inovadora e que já vem demonstrando sua vocação no apoio aos jogadores, em nossos mais novos e-Sports, o Wild Rift e o Valorant. Nossos projetos com o Itaú vão levar experiências e conteúdos de bastidores e aprendizado aos jogadores, tornando o Itaú um parceiro também da comunidade na descoberta de novas possibilidades", destacou Carlos Antunes, head de e-Sports da Riot Games no Brasil.

"O Wild Rift é um jogo que vem se destacando no universo dos games, especialmente pela característica de ser um jogo para celulares, o que aumenta potencial de alcance e acesso dessa franquia. Queremos ajudar a desenvolver e dar visibilidade para essa comunidade e, com isso, mudar o game e a vida dos jogadores. Em mais um projeto de cocriação, o Itaú quer entender melhor esse segmento e, juntamente com os gamers, construir caminhos de oportunidades com os e-Sports, em diferentes jogos, dos mais estabelecidos aos novos e promissores como o Wild Rift", afirmou Robson Harada, superintendente de growth marketing do Itaú.

O patrocínio do Itaú Unibanco aos dois torneios é mais um passo do movimento #IssoMudaOGame, criado pelo banco para dar visibilidade a novos talentos nos e-Sports e ajudar na educação financeira dentro e fora dos jogos.

Vale lembrar que o Itaú Unibanco está cada vez mais inserido no universo dos e-Sports. Apenas nos últimos meses, o banco patrocinou a Flakes Power Cup (torneio nacional de Fortnite), acertou aporte à Mibr (em um acordo que contempla equipes de CS:GO, CS:GO Feminino, CS:GO Academy e Rainbow 6 Siege) e ainda fechou patrocínio oficial ao retorno da Taça das Favelas Free Fire.