Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / Ação social

Reserva promoverá corrida presencial e virtual para ajudar no combate à fome

Com "Corre da Reserva", marca reforça compromisso de auxiliar brasileiros em situação de vulnerabilidade social

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 20/10/2021, às 10h19

"Corre da Reserva" terá quatro possibilidades de distâncias para os corredores (2, 5, 10 ou 15 km) - Divulgação / Reserva
"Corre da Reserva" terá quatro possibilidades de distâncias para os corredores (2, 5, 10 ou 15 km) - Divulgação / Reserva

A Reserva decidiu organizar uma corrida de rua para ajudar no combate à fome no Brasil. No dia 21 de novembro, a empresa brasileira do segmento de vestuário promoverá a prova “Corre da Reserva”, que será presencial no Rio de Janeiro, mas também virtual para que qualquer corredor, de qualquer lugar do país, possa participar.

No Rio de Janeiro, haverá três categorias (amadores, atletas e público em geral) e quatro distâncias (2, 5, 10 ou 15 km). Os participantes serão direcionados aos locais de partida distribuídos em pontos distintos: Praia do Flamengo (2 km), Botafogo (5 km), Copacabana (10 km) e Parque da Figueira (15 km). Todos correrão em direção à Marina da Glória, onde estará a linha de chegada.

O evento seguirá todas as normas sanitárias, como o uso de máscaras e disponibilização de álcool em gel em todo o percurso, além da adoção de diferentes pontos de partida para evitar aglomerações. Para quem não for do Rio de Janeiro, será possível adquirir o kit e participar de forma remota.

As inscrições já estão disponíveis pelo aplicativo da marca, que está disponível nas versões Android e iOS, e darão direito a um kit exclusivo no valor de R$ 179. Cada inscrição complementará dez pratos de comida por meio do programa 1P5P (uma peça, cinco pratos doados) da marca, além de mais um prato doado a cada quilômetro percorrido por participante.

De acordo com a Reserva, a corrida reforça o compromisso da marca no combate à fome. Com a pandemia, o número de pessoas em insegurança alimentar no Brasil subiu para 116,6 milhões, ou seja, um a cada dois brasileiros. Segundo a Food and Agriculture Organization of the United Nations (FAO), o número de brasileiros em situação de insegurança alimentar grave já passa de 19 milhões.