Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Tóquio 2020 / Mídia

Globoplay e SporTV investem em mídia out-of-home para divulgar Olimpíada

Redação Publicado em 28/07/2021, às 17h21

Imagem Globoplay e SporTV investem em mídia out-of-home para divulgar Olimpíada
Divulgação / Altermark

O Globoplay e o SporTV decidiram utilizar a mídia out-of-home para divulgar a cobertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. Em parceria com a AlterLabs, hub de inovação e tecnologia do grupo Altermark, empresa especializada em out-of-home, abrigos de ônibus foram transformados em gols de futebol, e relógios de rua foram adesivados com a identidade visual da campanha, além do uso de empenas e grandes painéis.

A ideia da campanha é levar a mensagem e o espírito olímpico para 13 cidades brasileiras (São Paulo, Rio de Janeiro, Niterói, Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza, Salvador, Curitiba, Belém, Manaus, Porto Alegre, Goiânia e São Luís). Ao todo, são quatro projetos especiais. O abrigo de ônibus em formato de trave de futebol estará presente no Rio de Janeiro, enquanto apliques esportivos, como bolas, raquete de tênis e skates aparecerão nos relógios da capital paulista. Além disso, também há uma pista de atletismo no metrô do Rio de Janeiro e 46 relógios adesivados com a identidade visual da campanha pela orla carioca. Os exibidores Eletromídia e Clear Channel foram codesenvolvedores destes dois últimos projetos.

"Um dos grandes cases da Altermark foi a campanha que realizamos na Olimpíada do Rio, quando brincamos com uma tradução para o carioquês nos relógios da cidade. Agora, queremos impactar o público em sua jornada para aproximá-lo desta edição dos Jogos, reforçando os esportes novos, como o skate, e brincando ao fazer de um abrigo de ônibus num gol. Levar o projeto para 13 cidades é sempre desafiador num país continental como o Brasil", afirmou Alexandre Cardoso, CEO global da Altermark.

“Entre as vantagens, há esse poder de transformar as mídias e surpreender o público que está nas ruas todos os dias. Conseguimos reconfigurar um ativo de acordo com a necessidade do cliente e, por meio de iniciativas totalmente inovadoras, oferecer as melhores possibilidades de integração entre marcas e consumidores. Funcionamos como uma extensão da marca ou produto anunciado entregando experiências para ampliar a percepção e o impacto das pessoas de uma forma totalmente exclusiva”, destacou Wlamir Lino, diretor comercial da Clear Channel.

Vale destacar que o grupo Globo possui os direitos de transmissão dos Jogos Olímpicos na TV aberta, na TV fechada e no streaming. Além da emissora carioca, apenas o BandSports está exibindo Tóquio 2020 na mídia nacional.