Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Tóquio 2020 / Pandemia

Tóquio 2020 terá pódio com distanciamento e medalhas em bandeja

Redação Publicado em 16/07/2021, às 14h26

Imagem Tóquio 2020 terá pódio com distanciamento e medalhas em bandeja
Reprodução

O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou medidas mais restritivas para as cerimônias de entrega de medalhas nos Jogos de Tóquio. E, com isso, uma tradição olímpica secular será interrompida nesta edição por conta da pandemia.

Os atletas não receberão as medalhas no próprio peito após uma conquista. Eles ficarão responsáveis por pegar as medalhas em uma bandeja, não tendo mais o artefato colocado no pescoço. Outra medida anunciada é o fim das fotos com os medalhistas um ao lado do outro. Eles ficarão distantes na hora da captura da imagem. Tudo isso tem como objetivo restringir ao máximo o contato entre as pessoas.

O COI também fará com que os pódios tenham uma separação maior entre os medalhistas, aumentando o distanciamento entre eles. As medidas foram as primeiras anunciadas por Thomas Bach, presidente da entidade, após desembarcar em Tóquio e cumprir três dias de quarentena.

“As medalhas não serão colocadas em volta do pescoço. Será apresentada uma bandeja ao atleta, que vai pegar a medalha e colocá-la por conta própria”, afirmou o mandatário.

As pessoas que levarão as medalhas para os atletas estarão com máscaras e luvas protetoras. Além disso, todos os membros do COI que estiverem presentes nas arenas já estarão com as duas doses de vacina contra Covid-19 tomadas.