Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Futebol / Sem marcas

Botafogo "limpa" uniforme na estreia no Brasileirão

Clube confirmou rompimento de todos os contratos e estreou com camisa só com um patrocinador contra o Corinthians

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 11/04/2022, às 06h57 - Atualizado às 07h01

Meio-campista Romildo caminha com a bola durante Botafogo x Corinthians, na estreia do Brasileirão 2022 - Vitor Silva / Botafogo
Meio-campista Romildo caminha com a bola durante Botafogo x Corinthians, na estreia do Brasileirão 2022 - Vitor Silva / Botafogo

O Botafogo estreou no Campeonato Brasileiro de 2022 com um uniforme, no mínimo, nostálgico. O clube carioca, recém-comprado pelo investidor americano John Textor, teve apenas um patrocinador na camisa. A marca de relógios Champion Watch, do grupo Magnum, estampou a manga esquerda do uniforme alvinegro. O restante contou somente com o escudo da Estrela Solitária, sem qualquer outra logomarca, mesmo a de material esportivo.

A “limpeza“ da camisa na estreia do Brasileirão é parte da estratégia de revalorização da marca do Botafogo adotada por Textor desde que assumiu o controle do clube. Em fevereiro, o americano comunicou ao mercado que romperia todos os acordos do time. No mês seguinte, anunciou o acordo pontual com a Champion Watch que durará até o final do mês de abril.

Até mesmo as placas de publicidade estática do clube foram diferentes na derrota por 3 a 1 para o Corinthians. O Botafogo é o único clube que não tem um acordo de comercialização dos espaços, tendo apenas rompido com a Sport Promotion, sem assinar com qualquer outra empresa para vender anúncios durante os jogos. 

Durante a partida contra o Corinthians, que teve transmissão da TV Globo para todo o Brasil, as placas fizeram propaganda apenas de produtos do Botafogo. A ideia do novo dono do clube é reduzir ao máximo a exposição de marcas na camisa, fazendo com que menos patrocinadores apareçam no uniforme, mas paguem mais para ter essa exposição. Foi esse o argumento usado por Textor ao anunciar o fim das parcerias.

“O cancelamento desses contratos de uniforme e patrocínios abrirá caminho para uma infinidade de novas oportunidades e acordos que refletirão melhor esse momento histórico do nosso clube e apoiarão melhor nossas ambições de construir uma nova tradição de sucesso para O Mais Tradicional”, disse o investidor.

Quando anunciou o acordo com a Champion Watch, o Botafogo ressaltou o novo posicionamento adotado pelo clube. Ao dizer que o acordo iria até o mês de abril, o clube ressaltou que “o patrocínio seguirá ativo e atacará novas frentes juntamente ao Grupo Magnum. Alinhado com o novo posicionamento estratégico de marca constituído pelo clube, que visa um uniforme mais ‘clean‘ e prestigiado, a logomarca será aplicada no formato preto e branco“.

O reforço de que a camisa terá patrocinadores apenas nas cores preta e branca amplia a estratégia de criação de uma forte conexão do americano com a torcida. Neste domingo (10), uma grande festa foi feita pelo torcedor no Estádio Nilton Santos, apesar da derrota dentro de campo.