City Football Group oficializa compra de 80% do Palermo, da Itália, por € 13,5 milhões

Time siciliano, que chegou a ter falência decretada, ganhou o título da Série C italiana na última temporada

O City Football Group (CFG) oficializou, nesta segunda-feira (4), a compra de 80% do Palermo, que disputa a Série B da Itália. Pela aquisição, o CFG pagou € 13,5 milhões. O anúncio foi feito por Dario Mirri, presidente do time siciliano, em entrevista coletiva. O dirigente manteve os 20% restantes da equipe e seguirá como presidente.

“O objetivo, no momento, é continuar na Série B por uma temporada. Na próxima, dar o salto para a primeira divisão italiana”, contou Ferran Soriano, CEO do CFG.

Conglomerado mundial

Com o negócio, o grupo passa a controlar 11 times ao redor do mundo, sendo o Manchester City o principal. Os demais clubes controlados pelo CFG são: Girona (Espanha), New York City (Estados Unidos), Melbourne City (Austrália), Mumbai City (Índia), Lommel (Bélgica), Troyes (França), Montevideo City Torque (Uruguai), Yokohama Marinos (Japão) e Sichuan Jiuniu (China).

O CFG também negocia a compra da Sociedade Anônima do Futebol (SAF) do Bahia, que disputa a Série B do Brasileirão. O tradicional clube baiano, campeão brasileiro em 1959 e 1988, ocupa atualmente a terceira posição do torneio e subiria à elite, caso a competição terminasse hoje.

Outro tentáculo do CFG na América do Sul é o Bolívar, um dos principais times da Bolívia. O City Football Group possui um acordo de parceria técnica com a equipe e implantação de gestão mais moderna no clube. Como contrapartida, fica com uma porcentagem na venda de jogadores revelados durante a parceria e terá preferência na contratação de atletas.

De falido à Série B

Em 2019, o Palermo foi rebaixado administrativamente pelo Tribunal Federal da Federação Italiana de Futebol por causa de problemas financeiros. À época, o clube lutava pelo retorno à Série A, mas acabou rebaixado à Série D, após ter decretada sua falência.

Após o rebaixamento, o Palermo foi vendido à Future Sports & Entertainment por um preço simbólico de € 10. O grupo assumiu as dívidas de € 22,8 milhões que o time siciliano carregava na época. Desde então, o Palermo conseguiu subir duas divisões até atingir a Série B. Na última temporada, conquistou o título da Série C após bater o Padova na final, por 1 a 0.

Negócio desfeito

O CFG também esteve perto de adquirir o NAC Breda nos últimos meses. No entanto, a torcida do time holandês fez forte campanha nas redes sociais contra o negócio. Houve cânticos contrários à aquisição nos jogos do tradicional clube de Breda (interior da Holanda) e a exibição de uma faixa contra o City Football Group: “Fique fora do nosso território, o NAC não faz parte da história do City Group”.

O City Football Group divulgou balanço referente a 2020/2021 com um aumento do volume de negócios de 14,4%, para £ 624,5 milhões. Mesmo ainda sofrendo com as limitações impostas pela pandemia, o CFG reduziu seu prejuízo para £ 52,9 milhões. Na temporada anterior, o prejuízo havia sido de £ 205,3 milhões.