Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Agência de Roberto Carlos irá captar aportes para Paysandu

"O clube tem uma torcida incrível, apaixonada", disse Roberto Carlos

Rodrigo Capelo em São Paulo - SP Publicado em 05/03/2012, às 18h19

Imagem Agência de Roberto Carlos irá captar aportes para Paysandu

"O clube tem uma torcida incrível, apaixonada", disse Roberto Carlos

A RC3 Marketing Esportivo, agência criada pelo lateral-esquerdo Roberto Carlos para explorar o mercado esportivo, a exemplo do que já faz o amigo e ex-jogador da seleção brasileira Ronaldo, é a nova responsável por conseguir patrocinadores para o Paysandu. A parceria entre a empresa e a equipe paraense foi oficializada na tarde desta segunda-feira (5).

Atualmente, já há negociações em andamento com fabricantes de material esportivo. Nike e Adidas foram as duas marcas procuradas inicialmente, mas também houve contatos com outras, como a Umbro, cujo novo foco está nas regiões Norte e Nordeste. Até agora não há nenhum desfecho, e espera-se que as conversas sejam retomadas nas próximas semanas.

Outra possibilidade é a aproximação entre companhias que já patrocinam Roberto Carlos, enquanto jogador de futebol, ao time. Já existem dois energéticos, Hiro e Rival, ambos com atuação voltada para o Nordeste, que exploram a imagem do atleta em campanhas publicitárias. "Vamos tentar levá-los para o Paysandu, porque eles também vendem muito no Norte", conta Junior, como prefere ser chamado, sócio-diretor da RC3, à Máquina do Esporte.

A participação de Roberto Carlos, ainda que esteja em atividade no Anzhi, clube de futebol russo, é esperada. "Estou muito feliz com essa parceria e, a partir de agora, engajado nesse trabalho de fortalecimento do Paysandu no cenário do futebol nacional", disse ele em comunicado enviado à imprensa. "O clube tem uma torcida incrível, apaixonada, que nos mantém focados num único objetivo, que é fazer o Paysandu voltar para o lugar de onde jamais deveria ter saído, que é a Série A".

O trabalho da RC3 também irá compreender o centenário da equipe paraense, a ser comemorado em 2014. O Paysandu já esteve na primeira divisão brasileira, mas os principais feitos da própria história foram ter vencido a Copa do Campeões em 2002, torneio atualmente extinto, e ter ganhado do Boca Juniors na Argentina, no estádio La Bombonera, em 2003, quando os argentinos eram temidos por todas os brasileiros participantes da Copa Libertadores.