Band tem melhor Ibope com futebol desde 2001

Harlei lamenta: título escapou nos pênaltis

Harlei lamenta: título escapou nos pênaltis

A rede Bandeirantes conseguiu, na última quarta-feira, o seu melhor Ibope com o futebol desde 2001. O dado não considera apenas os jogos da Copa do Mundo, que teve transmissão da emissora neste ano. O feito foi atingido com a final da Copa Nissan Sul-Americana, que a rede Globo optou por não transmitir.

Com a partida entre Estudiantes e Goiás, a Band conseguiu 12 pontos de média no Ibope, e chegou a ter pico de 15, ultrapassando a rede Globo e atingindo a liderança. A emissora carioca, por sua vez, optou pelo filme Caixa 2 no mesmo horário, e depois pelo Jornal da Globo. Conseguiu média de 15 pontos com essa programação.

Na semana passada, durante a primeira final entre Independiente e Goiás, a Band teve média de 7,6 pontos, com pico de 10. A Globo apostou novamente em um filme, Duro de Matar 4.0, e ficou com 23 pontos de média.

Com a Copa Santander Libertadores, há quatro meses, a Globo resolveu transmitir apenas a última partida da final, o que não aconteceu com a Copa Sul-Americana. Com o jogo entre Internacional e Chivas Guadalajara, a emissora ficou com 15 pontos de média na audiência.

O jogo do Goiás, vencido pelo oponente argentino, valia uma vaga na Libertadores do ano seguinte, o que aumentou o interesse de outros torcedores. Com a derrota brasileira, o Grêmio conseguiu sua classificação para a principal competição do continente, enquanto o Flamengo garantiu sua vaga na própria Sul-Americana de 2011.

Cada ponto no Ibope é equivalente a 58.300 domicílios sintonizados. Os dados da medição consideram apenas a audiência de São Paulo, região de referência para o mercado publicitário.