Burger King refuta uso de Anderson Silva em novas ações

Imagem de Anderson Silva ainda é usada, mas contrato é temporário

Imagem de Anderson Silva ainda é usada, mas contrato é temporário

Quem entra nas lojas do Burger King no Brasil ainda se depara com a imagem de Anderson Silva, que promove o hambúrguer Mega BK Stacker. No entanto, essa associação entre a marca da rede de fast-food e o lutador será efêmera, já que a empresa não demonstra interesse em permanecer com o patrocínio ao atleta.

Silva e Burger King firmaram um contrato de seis meses, que ainda está vigente. Ainda assim, a empresa já lançou uma nova campanha, sem a presença do lutador, e afirmou que não pretende mais usar o atleta. Além disso, por ora o esporte não deverá mais ser usado como ferramenta de marketing pela marca.   

O acordo entre Burger King e Anderson Silva foi costurado em julho deste ano, por meio da agência de marketing esportivo 9ine. A ideia da empresa era usar a imagem do lutador durante a realização do UFC Rio de Janeiro, que ocorreu em agosto. Na ocasião, a rede de fast-food lançou uma nova campanha com foco no atleta.

Além da exposição de Silva nas lojas do Burger King, a campanha “Tão assustador que você afina” contou com um comercial televisivo e com um vídeo disponibilizado no Youtube. Com gracejos em referência à fina voz do lutador, o clipe “Lovin’ you” teve mais de 3,3 milhões de visualizações em menos de três meses.

A saída do Burger King não é algo que incomoda a 9ine, que gerencia a carreira de Anderson Silva. A agência ainda não iniciou a busca por um parceiro substituto para o atleta porque, mesmo com a campanha envolvendo o lutador ter sido deixada de lado, o contrato atual ainda irá até o fim deste ano.

Desde que assumiu a carreira de Anderson Silva, neste ano, a 9ine conseguiu multiplicar em 25 vezes os ganhos do lutador com patrocínio. Desde então, o atleta viu sua dúzia de patrocinadores ser reduzido a quatro, mas com um rendimento consideravelmente mais alto. Atualmente, além do Burger King, Nike, Ambev e Corinthians dão suporte a Silva.