Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Com Ronaldo e Cafu, Brahma reforça apoio à várzea

Ex-jogadores vão estrelar propaganda sobre torneio amador

Duda Lopes - São Paulo (SP) Publicado em 30/10/2014, às 10h00 - Atualizado às 12h00

Imagem Com Ronaldo e Cafu, Brahma reforça apoio à várzea

No próximo domingo, a Brahma irá estrear um novo comercial na televisão aberta. Cafu e Ronaldo mais uma vez serão protagonistas de um vídeo da marca, mas dessa vez o pano de fundo não será a Copa do Mundo, mas um torneio bem menos conhecido. A marca irá promover o Peladão Brahma, torneio de futebol de várzea que acontece em Manaus.

Dessa maneira, a marca deixa claro o quanto acredita no potencial do torneio amador que, segundo a empresa, é o maior do mundo nessa categoria. E o investimento surge logo após a extinção da disputa que levava o nome de uma marca concorrente.

A Copa Kaiser se tornou popular em São Paulo e existia havia mais de uma década. Em 2013, a marca anunciou a retirada do aporte, deixando aberta uma vaga para a associação ao futebol amador. Neste ano, houve a última disputa com o nome da cerveja.

A Brahma estreou no torneio de Manaus deste ano, que teve início há cerca de um mês. Além do comercial com os pentacampeões do mundo, a marca tem feito ativações que são raras de serem vistas até no futebol profissional brasileiro. O copo distribuído na Copa do Mundo, por exemplo, foi reproduzido na disputa amadora.

Na próxima semana, também terá início uma das principais atrações do torneio. Os times começarão a disputa para saber quem tem a “musa” do torneio. O time que avançar com a mulher mais bonita, ganha pontos na tabela. 

Volta ao passado

A decisão da Brahma de apostar no patrocínio ao Peladão não deixa de ser uma volta ao passado. No início dos anos 2000, a marca apostou na Taça Brahma de Futebol de Várzea, em São Paulo.

O evento ajudava a marca a vender mais cerveja. Como contrapartida do investimento feito na melhoria dos campos dos times da várzea, a Brahma tinha exclusividade de venda nos bares ao redor dos campos nos dias de jogos. A ação ajudava a aumentar as vendas e a ativar os bares com a marca ao longo da semana.