Com Série A, Portuguesa valorizaria aportes em 50%

"Se o clube subir, afeta patrocínios", prevê gerente de marketing

A próxima partida da Portuguesa, no próximo sábado (13), diante do Bahia, vale muito mais do que três pontos na tabela da Série B do Campeonato Brasileiro. O embate, determinante na decisão de quem será promovido à primeira divisão, representa a possibilidade de valorizar patrocínios em cerca de 50%.

Por enquanto, todos os contratos de patrocínio do clube paulista estão em processo de renovação, com término próximo. A ascensão à elite, portanto, faria com que o departamento de marketing, responsável pela estimativa de valorização, tivesse mais condições de elevar os números dos aportes.

Caso a equipe não seja bem sucedida dentro de campo e permaneça na segunda divisão, porém, a Portuguesa julga improvável a perda de interesse de companhias. "Nenhuma empresa irá deixar de nos patrocinar, porque a Série B está mais atrativa", afirma o gerente de marketing, Fábio Porto.

De qualquer maneira, estima-se que nenhum contrato seja renovado antes do desfecho do campeonato nacional. As empresas demonstraram interesse, o time está aberto a negociações e cláusulas que viabilizassem a valorização de acordo com a promoção são possíveis, mas o fim do ano deve ser aguardado.

Atualmente, a Portuguesa ocupa a 5ª posição na tabela, a dois pontos de dist"ncia do América-MG, na quarta e última vaga que dá acesso à Série A do torneio. Para que volte à elite, a equipe precisa vencer ao menos duas das três últimas partidas e torcer por resultados negativos de concorrentes diretos.