Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Corinthians diz ter acerto com Caixa por mais um ano e R$ 30 milhões

Diretor afirma ter encaminhado novo contrato com estatal até o final de 2015

Duda Lopes - São Paulo (SP) Publicado em 11/02/2015, às 21h07

Imagem Corinthians diz ter acerto com Caixa por mais um ano e R$ 30 milhões

Ainda falta assinar, mas Corinthians e Caixa já acertaram os detalhes de um novo contrato. O clube e o banco vão repetir a parceria vigente até janeiro e assinarão um acordo de um ano por R$ 30 milhões. Dessa maneira, a equipe paulista garante o maior valor pelo patrocínio máster do futebol brasileiro por mais uma temporada.

A informação foi confirmada à Máquina do Esporte por Izael Sinem Júnior, diretor de marketing do Corinthians, que também mostrou tranquilidade em relação às outras propriedades de patrocínio:

“Primeiro era preciso fechar o máster. Depois, fica mais fácil fazer acordos pelos outros espaços. Não temos tido dificuldade, e isso não é uma preocupação”, afirmou.

Não será, no entanto, Izael quem deverá seguir as outras negociações. O executivo de marketing deixará o clube após o acerto com a Caixa. O profissional foi uma indicação do ex-vice-presidente Luís Paulo Rosenberg e ele era próximo ao ex-presidente Mário Gobbi. Com a eleição de Roberto de Andrade no último fim de semana, haverá uma série de mudanças nas diretorias do clube paulista.

LEIA MAIS - 

Com torneios, Caixa inicia renovações de patrocínio no futebol

Na semana passada, a Caixa decidiu, em reunião de diretoria, manter os investimentos no futebol. Após renovar com alguns campeonatos locais, o banco passou a negociar com os clubes, e o Corinthians era uma das prioridades. Além de ser o maior valor investido pelo banco, a validade da parceira já havia expirado. Mesmo com contrato vencido, o time permaneceu com a marca da estatal exposta no uniforme.

Nos últimos dias, a empresa discutiu com o Corinthians os termos do novo contrato. Com o valor já considerado alto, decidiu-se pela manutenção do acordo firmado para 2014. Nesta quinta-feira (12), haverá uma nova reunião e a parceria já poderá ser oficializada. A expectativa é que, se não fechar nesse momento, o assunto seja resolvido ainda na próxima semana, após o Carnaval.

A futura diretoria de marketing terá o desafio de fazer com que a camisa do Corinthians volte a superar a faixa dos R$ 45 milhões mesmo em um cenário econômico adverso. Em 2014, o clube manteve os logotipos de Fisk, TIM e Car System, além da Caixa. Para este ano, Fisk e Car System não renovaram seus acordos e saíram do uniforme alvinegro.  

Assim que terminou de falar com o dirigente corintiano, a reportagem tentou entrar em contato com a Caixa, mas, fora do horário comercial, o banco não atendeu ao telefonema.