Em goleada, Corinthians bate recorde em lucro

Clube alvinegro levou R$ 631 mil, melhor marca do campeonato nacional

Clube alvinegro levou R$ 631 mil, melhor marca do campeonato nacional

Goleada por 5 a 0 sobre o São Paulo, falha de Rogério Ceni e derrota do Palmeiras diante do Ceará. Os resultados esportivos do último domingo (26) já tornaram o fim de semana especial para torcedores corintianos. Os dirigentes, por outro lado, também têm de comemorar: o clube levou o maior lucro do Campeonato Brasileiro nas bilheterias.

Com a presença de cerca de 30 mil torcedores no estádio Pacaembu, o Corinthians conseguiu receita líquida de R$ 631 mil, isto é, quando já foram descontadas as despesas oriundas de manutenção da arena e taxas. O resultado financeiro é o melhor já obtido na atual edição do torneio nacional e o segundo mais alto da temporada.

Antes do Corinthians, apenas o Grêmio havia conseguido montante superior. Na decisão do Campeonato Gaúcho de 2011, responsável por levar mais de 42 mil pagantes ao estádio Olímpico, a equipe tricolor levou R$ 917 mil. À época, contudo, o mandante viu o rival Internacional vencer a disputa e levar o troféu do Estadual.

A marca atingida pelos paulistas poderia ter sido superada pelo Flamengo, justamente contra o Corinthians, quando o sérvio Petkovic se despediu dos gramados. Mas os R$ 206 mil deduzidos para pagamento de dívidas fez com que os cariocas lucrassem efetivamente "apenas" R$ 618 mil, pouco abaixo do patamar corintiano.

Em comparação às outras partidas da sexta rodada do Brasileiro, embora não tenha sido registrado nenhum prejuízo, nenhum jogo chegou perto do lucro alvinegro. O Atlético-GO, na derrota por 1 a 0 para o Vasco, conseguiu a segunda melhor marca, com receita líquida de R$ 241 mil. O Flamengo, terceiro lugar, levou R$ 159 mil.