Estatal russa acerta patrocínio à Fifa

Reunião marcou o acerto entre Gazprom e Fifa - Crédito Divulgação

Reunião marcou o acerto entre Gazprom e Fifa - Crédito Divulgação

A Gazprom, empresa estatal da Rússia da área de gás, acertou o patrocínio à Fifa. O contrato, que foi acertado em uma reunião em Sochi, será válido apenas no início de 2015 e durará quatro anos, até o fim de 2018, ano que a própria Rússia sediará a Copa do Mundo. Os valores não foram revelados.

A empresa será a parceria oficial da Fifa nas áreas de petróleo, gás e combustíveis. Além disso, a Gazprom terá permissão para realizar ações publicitárias com a imagem da entidade.

“A Gazprom é conhecida por seu envolvimento especial com o futebol. Temos uma cooperação de sucesso com as organizações do futebol, somos parceiro oficial da Liga dos Campeões e de clubes de futebol na Rússia e na Europa. A colaboração com a FIFA nos oferece um novo acesso para o nível mundial de apoio ao futebol. Para Gazprom este é um passo importante para se posicionar como uma empresa de energia global.” declarou Alexey Miller, CEO da Gazprom.

“É claro que não estou apenas feliz, também é uma grande honra para mim que você esteja conosco hoje para concluirmos um acordo de cooperação com o nosso novo parceiro, a Gazprom”, comentou Joseph Blatter, presidente da Fifa.

Com o patrocínio, a Gazprom se juntará atuais patrocinadores da Fifa como Adidas, Coca-Cola, Hyundai, Kia Motors, Emirates, Sony e Visa. Além da entidade, a empresa russa apoia a Champions League, o Chelsea e o Zenit.