Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Fifa detona Morumbi, mas coloca São Paulo em 2014

Erich Beting e Guilherme Costa em Johanesburgo, África do Sul Publicado em 26/06/2010, às 07h23 - Atualizado às 10h23

A Fifa excluiu o Morumbi da Copa do Mundo. Mas não deverá tirar a cidade de São Paulo do Mundial. Pelo menos essa é a expectativa de Jérôme Valcke, secretário-geral da entidade que controla o futebol.

"Como imaginar que não haverá um jogo de Copa em São Paulo? No Brasil, se existem duas cidades que não podem ficar de fora de uma Copa do Mundo, elas são o Rio de Janeiro e São Paulo", afirmou Valcke, que também considerou a exclusão do estádio do Morumbi como uma "boa notícia", mantendo a linha de críticas à arena são-paulina.

"É uma boa notícia o Morumbi estar fora. Uma boa notícia porque estamos falando há tempos que o estádio tem problemas, que é preciso trabalhar, mas pouco foi feito. Veio um projeto, veio outro projeto, e nada definitivo foi apresentado. Ficamos felizes porque o Ricardo Teixeira e o Comitê Organizador Local viram isso claramente e anunciaram que o estádio está fora", afirmou Valcke em entrevista coletiva no estádio Soccer City, em Johanesburgo.

Apesar disso, o secretário geral da Fifa afirmou que a questão de São Paulo estar pronto para o Mundial depende da apresentação de um novo estádio.

"Agora é uma questão do Ricardo Teixeira e da cidade de São Paulo, mas sabemos o quanto é importante que a cidade esteja na Copa do Mundo. Queremos São Paulo na Copa, mas é preciso que a cidade nos apresente um estádio", disse o executivo da Fifa, que negou ter conhecimento sobre qualquer projeto que a cidade possa ter como plano B, inclusive a arena de Pirituba.

"A única coisa que eu sei é que não podemos ter futebol na rua em São Paulo. Tenho certeza que alguma coisa será apresentada, mas nada chegou a meu conhecimento até agora. Mas também esse não é o momento para isso. Temos de primeiro terminar a Copa de 2010 e depois tirar férias".