Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Mascote de Londres-2012 foca linha e web

Mascote de Londres-2012 foca linha e web

Redação em São Paulo - SP Publicado em 20/05/2010, às 11h00

Lançados oficialmente na última quarta-feira, as mascotes oficiais dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Londres, que serão realizados em 2012, representarão uma mudança drástica no planejamento de marketing das competições. Os bonecos, dois ciclopes prateados que representam pedaços de metal que sobraram do estádio olímpico, servirão como alicerces de um projeto para incrementar a presença dos eventos na web e ampliar sua linha de licenciados. A expectativa do comitê organizador local (Locog, na sigla em inglês) é que os bonecos sejam responsáveis por um ganho de 15 milhões de libras apenas com produtos. A meta do grupo é atingir um total de 80 milhões de libras com licenciamentos dos Jogos. Outro motivo para os bonecos representarem tanta expectativa é que o Locog tinha uma meta de arrecadação com artefatos relacionados ao logotipo dos Jogos, lançado em 2007, que teve um custo de desenvolvimento de 400 mil libras. Contudo, a marca não se tornou unanimidade e ainda foi acusada de causar ataques epiléticos em quem a vê por muito tempo consecutivo. Para evitar esse tipo de polêmica e se aproximar do público, a grande aposta do Locog sobre as mascotes é a participação na internet. Além de visitas físicas a escolas, os bonecos terão perfis em redes sociais como Facebook e a página de microblogs Twitter. Nos dois casos, usarão essas ferramentas para interagir, principalmente com crianças. O próprio site das mascotes tem estrutura próxima à de uma rede social. As pessoas podem se cadastrar, fazer parte da página de ?amigos? dos bonecos e mostrar fotos, vídeos ou histórias relacionadas aos Jogos de 2012. Os nomes dos bonecos são Wenlock e Mandeville. O primeiro homenageia uma cidade em que o Barão de Coubertin assistiu a jogos esportivos que deram origem às Olimpíadas da era moderna e a segunda é o local em que surgiu o movimento paraolímpico.