Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

NBC aceita logos ?picados? no Super Bowl

NBC aceita logos ?picados? no Super Bowl

Redação em São Paulo - SP Publicado em 06/01/2009, às 18h00

Com dificuldade de comercializar os espaços publicitários de 30 segundos do Super Bowl, a grande final da NFL, a NBC, emissora detentora dos direitos de transmissão, aceitou uma negociação de emergência. Pelos mesmos US$ 3 milhões, valor da inserção padrão, a agência californiana Cesario Migliozzi irá repassar o curto tempo para oito marcas, que dividirão breves momentos de exposição durante o principal evento esportivo norte-americano. A informação é da agência ?Reuters?, que ainda fala em cobrança de U$ 395 mil para cada uma das companhias interessadas. Dessa forma, a agência terá apenas cerca de US$ 160 mil como lucro, que não inclui a verba utilizada para produção. O grande problema é a forma como as marcas serão veiculadas, já que a divisão de tempo é praticamente inédita na história do evento. A imprensa especula que a NBC teria aceitado a proposta pelo baixo número de anunciantes que conseguiu captar até o momento. Em contrapartida, as poucas parcerias já firmadas prometem surpreender. Na linha da própria NBC, que deve exibir chamadas de programação com tecnologia especial produzida pela Intel, a Pepsi e a produtora DreamWorks devem inserir comerciais em 3-D no fim do segundo e do terceiro período. A fabricante de bebidas deve ?vender? um novo tipo de refrigerante, enquanto a companhia cinematográfica vai apostar em seu novo filme, ?Monsters VS. Aliens?, cujo trailer deve ser exibido com exclusividade.