Octacampeão, Santos aguarda confirmação para agir

Clube passa a ser octacampeão brasileiro e quer aproveitar "boom"

Após divulgação na mídia de que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pretende considerar os torneios Roberto Gomes Pedrosa e Taça Brasil, disputados entre 1954 e 1970, como Campeonatos Brasileiros, o principal beneficiado pela novidade, Santos, aguarda pela confirmação oficial para ativar o marketing.

Por ter conquistado seis títulos à época, a equipe da Baixada Santista passaria a possuir oito títulos nacionais reconhecidos pela entidade, acima dos seis pertencentes ao rival São Paulo, atualmente líder nesse quesito. A partir do momento que a notícia for validada pela CBF, as ações terão início.

Internamente, contudo, a dependência pela definição da entidade não está impedindo o Santos de pensar em iniciativas. "Os títulos vão ficar para sempre, mas nós precisamos aproveitar esse boom assim que tudo for confirmado", explica o gerente de marketing, Armênio Neto, à Máquina do Esporte.

A princípio, espera-se o lançamento de produtos licenciados alusivos aos oito títulos do Brasileirão, como uma camisa específica. Alguns layouts já estão finalizados, e outros estão em fase de acabamento, mas é certo que o clube deve enveredar por esse caminho caso o reconhecimento se confirme.

Como o Santos já não estampa títulos nacionais acima do escudo, hábito de outros adversários, não devem haver mudanças na camisa alvinegra, mas a novidade irá requerer alterações em livros, por exemplo, de maneira que os seis títulos conquistados naquele período sejam registrados por escrito.