Olympikus oferece US$ 32 mi ao Boca Juniors

A renovação de contrato entre Nike e Boca Juniors está adiantada, tanto que a proposta da fabricante americana já foi submetida à aprovação do Conselho do clube argentino (leia aqui). Mas uma oferta entregue nesta semana pela brasileira Olympikus pode dar fim ao acordo de quase 15 anos entre americanos e argentinos.

Segundo a apuração da reportagem da Máquina do Esporte, a fabricante, pertencente ao grupo Vulcabrás, ofereceu US$ 32,6 milhões por quatro anos de contrato com o Boca Juniors. A proposta será agora analisada pelos dirigentes do Boca.

A ofensiva da Olympikus faz parte da estratégia da Vulcabrás de ampliar sua participação no mercado da América do Sul a partir do futebol. A empresa já fabrica os uniformes de Lanús, Racing e Argentinos Juniors, mas vê no Boca a sua melhor chance de aumentar o mercado na Argentina, um dos mais importantes além do brasileiro.

Caso o negócio se concretize, a Olympikus pela segunda vez substituirá a Nike no fornecimento de uniforme a um clube de expressão nacional. Em julho do ano passado, a marca tirou a concorrente americana do  Flamengo, no Brasil. A troca de fornecimento foi acompanhada de um recorde de mais de 1 milhão de camisas vendidas no Brasil, impulsionado pela falta de produtos do clube carioca nas lojas e pela campanha que culminou no título brasileiro de 2009.