Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Projetos para Copa terão Zico x Beckham

Projetos para Copa terão Zico x Beckham

Guilherme Costa em São Paulo - SP Publicado em 11/06/2010, às 15h00

O brasileiro Zico parou de jogar na década de 1990, depois de uma passagem pelo futebol japonês. O inglês David Beckham ainda está na ativa ? defende o Milan, da Itália. Zico disputou as Copas do Mundo de 1978, 1982 e 1986 como atleta, e a de 2006 como treinador do Japão. Beckham esteve em 1998, 2002 e 2006, e só não foi convocado neste ano porque sofreu uma lesão em março. Ídolos de gerações e regiões diferentes, os dois vão se enfrentar em dezembro deste ano, quando a Fifa decidirá quais países vão sediar os Mundiais de 2018 e 2022. Beckham é o principal embaixador da campanha inglesa. Ele já exerceu esse papel na última quinta-feira, quando foi a um congresso realizado pela Fifa em Johanesburgo. Depois do almoço, o meio-campista se postou à frente do estande da candidatura brit"nica e interagiu com fãs nesse espaço. Pouco antes de isso acontecer, poucos metros à frente, outro ícone do futebol promoveu ação similar. Com um quimono azul e branco sobre a roupa, Zico ficou na frente do estande japonês para conversar com dirigentes e ratificar seu apoio ao projeto. Ao contrário de Beckham, contudo, Zico não concentrará as apostas japonesas. O projeto do país asiático prevê a utilização de todos os ex-treinadores da seleção nacional como embaixadores do desenvolvimento que o futebol teve na região durante os últimos anos. Ao menos durante o congresso da Fifa, Beckham levou vantagem sobre Zico. O inglês foi muito mais assediado do que o brasileiro e precisou tirar fotos com uma série de dirigentes esportivos que estavam no local. Outra candidatura que terá um ídolo do futebol como representante é a de Bélgica e Holanda. O ex-jogador holandês Ruud Gullit será presidente do comitê organizador do projeto, e o material apresentado à imprensa contou com descrições de algumas figuras históricas do esporte na região ? o holandês Johan Cruyff, do futebol, e a belga Justine Henin, do tênis, são dois exemplos.