Real Madrid vê vendas caírem 20% com Mourinho

Técnico português diminuiu acesso da imprensa à equipe

Técnico português diminuiu acesso da imprensa à equipe

A contratação de José Mourinho, técnico português, para liderar o elenco do Real Madrid na temporada 2010/2011 tem gerado bons resultados dentro de campo, mas também causou números desagradáveis na área comercial.

A venda de camisas e produtos oficiais caiu cerca de 20% desde a chegada do português, de acordo com o periódico espanhol "El Economista". Esse resultado pode estar ligado à atitude de Mourinho de restringir as entrevistas de atletas à imprensa.

Assim como o técnico Dunga à frente da seleção brasileira durante a preparação para a Copa do Mundo da África do Sul, o português decidiu realizar treinamentos fechados, sem a presença da imprensa, e cercear as declarações dos jogadores.

No futebol, porém, o Real Madrid tem colhido bons frutos. Até o momento, não foi derrotado na primeira divisão espanhola, é o líder do grupo na Liga dos Campeões da Uefa e só sofreu um gol em oito partidas.