Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte

Riot Games vende Mundial de LoL por US$ 113 milhões na China

Acordo é de três anos com plataforma chinesa de entretenimento on-line Bilibili

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 05/12/2019, às 09h28 - Atualizado às 12h28

Imagem Riot Games vende Mundial de LoL por US$ 113 milhões na China

A Riot Games anunciou, nesta quarta-feira (4), um acordo com a plataforma chinesa de entretenimento on-line Bilibili para transmissão exclusiva do Mundial de League of Legends (LoL) por três anos. Segundo o Beijing News, o negócio tem o valor recorde de US$ 113 milhões e vale para toda a China.

O acordo será válido entre 2020 e 2022. No ano que vem, o Mundial de LoL voltará a ser disputado em solo chinês. O torneio será realizado em locais que comportem grande número de espectadores, entre eles o estádio do Shanghai SIPG FC, atual campeão da Super Liga Chinesa (CSL) de futebol, que fica em Xangai e tem capacidade para 56 mil pessoas. As outras cidades-sede serão anunciadas em breve.

Foto: Reprodução

De acordo com a imprensa chinesa, esta é a primeira vez que um evento de e-Sports tem os direitos de mídia licenciados no país asiático. Para conseguir os direitos, a Bilibili precisou vencer a concorrência de outras plataformas, como Douyu, Huya e Kuaishou.

Vale ressaltar que a Bilibili também é dona da equipe chinesa Bilibili Gaming e da Hangzhou Spark, que atua na Overwatch League (OWL). O acordo firmado com a Riot Games demonstra a estratégia da empresa na busca por diversificar ainda mais seus fluxos de receita. Atualmente, 80% da receita da plataforma é proveniente de jogos para celular, como Fate/Grand Order e Azur Lane.