Santos projeta Neymar responsável e internacional

Quando recusou uma proposta do Chelsea, que admitia pagar integralmente a multa rescisória de seu contrato, o atacante Neymar acertou com o Santos um novo modelo de remuneração. O jogador passará a receber o teto salarial do clube, terá uma estrutura para captação de patrocinadores e dividirá com a equipe o montante amealhado. Para isso, porém, a diretoria criará uma imagem mais responsável e internacional para o atleta.

O primeiro passo para esse projeto foi exatamente a entrevista coletiva promovida na última quinta-feira, na qual o presidente do Santos, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, anunciou a permanência de Neymar. O jogador apareceu no evento ao lado de seu pai, vestiu a camisa da equipe e disse ter recusado a proposta do Chelsea.

A avaliação da diretoria é que esse evento ajudou a diminuir a imagem de arrogante que o estilo de Neymar pode transmitir e atrelou o jogador a valores positivos, como a ligação com o clube e a responsabilidade. Esses tópicos serão usados na prospecção de contratos comerciais.

Esse trabalho de prospecção, aliás, demandará a criação de uma estrutura especial. O Santos terá assessores internacionais para ajudarem na divulgação e na venda da imagem de Neymar. Esses profissionais também trabalharão para fortalecer mundialmente o próprio clube.

O projeto também inclui preparação do próprio Neymar. O jogador passará por um media training para aprimorar seu contato com a imprensa e ganhar desenvoltura na frente dos microfones. Tudo para facilitar sua participação em campanhas comerciais.

O novo modelo de remuneração de Neymar fará com que o jogador receba o teto salarial do clube. Além disso, ele terá 70% de participação em contratos que a diretoria conseguir fechar a partir do uso de sua imagem.