Após aquisição de direitos esportivos, Amazon Prime Video reajusta preço da assinatura no Brasil

O Amazon Prime Video, que mantinha o mesmo valor da assinatura mensal desde o lançamento do serviço no Brasil, em setembro de 2019, reajustou o preço em 50,5%, passando de R$ 9,90 para R$ 14,90. O plano anual sofreu reajuste de 33,7%, passando de R$ 89 para R$ 119. O aumento dos planos coincide com o investimento da plataforma em direitos esportivos no Brasil. Neste ano, a Amazon Prime adquiriu da Globo um pacote de 36 jogos da Copa do Brasil.

A estratégia da Amazon Prime de investir no esporte não é restrita ao Brasil. Nos Estados Unidos, o serviço de streaming assinou um contrato com a NFL, válido por 11 temporadas, para transmitir jogos às quintas-feiras à noite, evento conhecido como Thursday Night Football. Pelo acordo, a empresa pagará até US$ 1,3 bilhão por ano.

No Reino Unido, por sua vez, o Amazon Prime Video fez um acordo com a LaLiga para disponibilizar o pacote da LaLigaTV por um valor adicional na assinatura até o final desta temporada.

Além disso, com o lançamento recente das plataformas de streaming dos principais produtores audiovisuais do mundo, a plataforma teve que investir mais na produção de conteúdos próprios, incluindo séries documentais de esporte, o que ajudou a elevar o valor da assinatura.

Entre essas produções de destaque estão “Maradona: conquista de um sonho”, “PSG cidade-luz: 50 anos da lenda”, “All or nothing: Manchester City”, “All or nothing: seleção brasileira”, “Isto é futebol” e “Six dreams”.