Máquina do Esporte
Facebook Máquina do EsporteTwitter Máquina do EsporteYoutube Máquina do EsporteLinkedin Máquina do Esporte
Outros / Mercado

Grupo Oscar assume gestão da marca italiana Diadora no Brasil

Varejista terá direito de criar coleções, gerir o marketing, receber coleções europeias e distribuir itens da nova parceira

Redação - São Paulo (SP) Publicado em 19/04/2022, às 11h09

Grupo Oscar fechou um contrato exclusivo de licenciamento e distribuição da Diadora no mercado brasileiro - Divulgação
Grupo Oscar fechou um contrato exclusivo de licenciamento e distribuição da Diadora no mercado brasileiro - Divulgação

O Grupo Oscar anunciou, nesta segunda-feira (18), um contrato exclusivo de licenciamento e distribuição da marca esportiva italiana Diadora no Brasil. O acordo garante ao grupo varejista, que tem 40 anos de existência e 120 lojas espalhadas pelo país, o direito de criar coleções, gerir o marketing, receber coleções europeias e distribuir itens da nova parceira no mercado brasileiro.

Criada como produtora de calçados para montanhas, a Diadora se desenvolveu como uma marca internacional de calçados e vestuário, com foco especial em esportes, lifestyle, urban sportswear e segurança. Segundo Bruno Constantino, diretor geral do Grupo Oscar, a movimentação da empresa brasileira é estratégica, entendida como um grande diferencial competitivo para 2022, acompanhando a tendência de grandes varejistas administrarem grandes marcas, como é o caso da Centauro, que comprou a Nike no Brasil, e da Arezzo, que adquiriu a Vans.  

“Fazia parte da estratégia do grupo administrar uma marca internacional. Esse movimento é visto por nós como um grande diferencial competitivo. A Diadora tem uma ótima reputação e deve agregar muito valor ao nosso grupo ao nos permitir utilizar a marca não só no Grupo Oscar, mas também em todo o Brasil”, destacou o executivo.

Presente em mais de 60 países, a Diadora fez parte da vida de alguns ídolos do esporte brasileiro, como Zico e Ayrton Senna, mas ganhou notoriedade de fato no final dos anos 1990 ao vestir e patrocinar o tenista Gustavo Kuerten, tricampeão de Roland Garros e que alcançou o posto de número 1 do mundo no final de 2000. A marca chegou também a ser fornecedora de materiais esportivos para times brasileiros de futebol, como Atlético-MG, Bahia, Palmeiras e Vasco.