Palmeiras "some" em apresentação de parceria para arena

As obras da nova arena, estádio que será construído a partir do Palestra Itália, serviram como cenário para o Palmeiras e a construtora WTorre apresentarem na última quinta-feira uma parceria do empreendimento com a AEG. No entanto, só o símbolo e membros do departamento de comunicação representaram o clube. Nenhum membro da cúpula alviverde esteve no evento.

Segundo Rogério Dezembro, diretor de novos negócios da WTorre, houve um problema de agenda que impediu a presença de Arnaldo Tirone, presidente do Palmeiras, no evento da última quinta-feira.

Chuck Steedman, vice-presidente da AEG, chegou a ser questionado sobre a ausência de diretores do Palmeiras. Ele tergiversou, disse que não era a pessoa indicada para comentar o assunto e não admitiu constrangimento com a situação.

Contudo, a ausência dos palmeirenses gerou uma situação inusitada. Rogério Dezembro, ex-diretor de marketing do clube, precisou fazer o papel de representante alviverde e entregou presentes para Steedman e Beto Lima, presidente da Blue Box, empresa brasileira que será parceira da AEG no projeto.

A AEG fechou contrato de dez anos com o Palmeiras, com opção de renovação por mais 20, para a operação da nova arena. A empresa será responsável por todo o cronograma de eventos do aparato.

Leia mais:

Com AEG, Palmeiras admite revisão em plano de eventos para arena

Expertise e prioridade ao futebol viram cartões de visitas da AEG

Parceira de PE para 2014, AEG minimiza import"ncia de Copa

Com visitação, Palmeiras tenta consolidar marca “nova arena”

Entrevista: Beto Lima, presidente da Blue Box, que será parceira da AEG